sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Um tradicional conto Sufi

Hoje vou publicar um conto de um autor que gosto muito... Paulo Coelho!
O conto é muito bonito, fala sobre as situação ultrapassadas durante nosso dia-a-dia, que nada acontece por acaso, tudo tem sua razão de ser, quando acontecer algo de errado não desanime, pra tudo há uma explicaçao...uma razão! Fica esta mensgem para todos meus amigos!

Um Tradicional Conto Sufi...

Há muitos anos, numa pobre aldeia chinesa, vivia um lavrador com seu filho.
Seu único bem material, além da terra e da pequena casa de palha, era um cavalo que havia sido herdado de seu pai.
Um belo dia, o cavalo fugiu, deixando o homem sem o animal para lavrar a terra.
Seus vizinhos - que o respeitavam muito por sua honestidade e diligência - vieram até sua casa para dizer o quanto lamentavam o ocorrido. Ele agradeceu a visita, mas perguntou:

- Como voces podem saber que o que ocorreu foi uma desgraça na minha vida?

Alguém comentou baixinho com um amigo: "ele não quer aceitar a realidade, deixemos que pense o que quiser, desde que não se entristeça com o ocorrido".

E os vizinhos foram embora, fingindo concordar com o que haviam escutado.

Uma semana depois, o cavalo retornou ao estábulo, mas não vinha sózinho; trazia uma bela égua como companhia. Ao saber disso, os habitantes da aldeia - alvoroçados, porque só agora entendiam a resposta que o homem lhes havia dado - retornaram à casa do lavrador, para cumprimenta-lo pela sua sorte.

- Voce antes tinha apenas um cavalo, e agora possui dois. Parabéns! Disseram.

- Muito obrigado pela visita e pela solidariedade de voces - respondeu o lavrador.
- Mas como voces podem saber que o que ocorreu é uma bençao na minha vida?

Desconcertados, e achando que o homem estava ficando louco, o vizinhos foram embora, comentando no caminho "será que este homem não entende que Deus lhe enviou um presente?

"Passado um mes, o filho do lavrador resolveu domesticar a égua. Mas o animal saltou de maneira inesperada, e o rapaz caiu de mau jeito - quebrando uma perna.

Os vizinhos retornaram à casa do lavrador - levando presentes para o moço ferido.
O prefeito da aldeia, solenemente, apresentou as condolências ao pai, dizendo que todos estavam muito tristes com o que tinha acontecido.

O homem agradeceu a visita e o carinho de todos. Mas perguntou:

- Como voces podem saber se o que ocorreu foi uma desgraça na minha vida?

Esta frase deixou a todos estupefatos, pois ninguem pode ter a menor dúvida que um acidente com um filho é uma verdadeira tragédia. Ao sairem da casa do lavrador, diziam uns aos outros:

"O homem enlouqueceu mesmo; seu único filho pode ficar coxo para sempre, e ele ainda tem dúvidas se o que ocorreu é uma desgraça".

Alguns meses transcorreram, e o Japão declarou guerra contra a China.
Os emissários do imperador percorreram todo o país, em busca de jovens saudáveis para serem enviados à frente de batalha. Ao chegarem na aldeia, recrutaram todos os rapazes, exceto o filho do lavrador, que estava com uma perna quebrada.Nenhum dos rapazes retornou vivo.

O filho se recuperou, os dois animais deram crias que foram vendidas e rederam um bom dinheiro.

O lavrador passou a visitar seus vizinhos para consola-los e ajuda-los - já que tinham se mostrado solidários com ele em todos os momentos.

Sempre que algum deles se queixava, o lavrador dizia:

- "Como sabe se isso é uma desgraça?"

Se alguém se alegrava muito, ele perguntava:

- "Como sabe se isso é uma benção?"

E os homens daquela aldeia entenderam que, além das aparências, a vida tem outros significados.



Bjs!!!

13 comentários:

João Vitor disse...

ja tinha visto essa historia antes!
mas ela eh muito top 8)
xD~
o destino é nosso guia, mas podemos escolher os caminhos!

http://joaovitors.blogspot.com/

manzas disse...

O mundo adormece na cama do céu
Enquanto permaneço acordado no teu roseiral…
Vigilante no teu galante corpo, rosa sem véu
Batem janelas inquietas, pétalas em temporal

Neste momento,
Desejo
Um bom fim-de-semana
Materializado em harmonia
Com muita alegria…
Um excelente CARNAVAL
Com muito divertimento
Desmascarando amor
Com paz,
Cheio de muita folia…

O eterno abraço…

-MANZAS-

Daniel Savio disse...

E no final das contas, depende de como você encara a vida...

Bom curtição do carnaval, menina Déia.

Fique com Deus, menina.
Um abraço.

João Vitor disse...

Déia te premiei, olha o meu blog lah xD~

http://joaovitors.blogspot.com/

Vocês, Mulheres !? disse...

Tks por me acompanhar e pelo post...E e claro que permito, afinal para que escrevo senão para q outros leiam rsrsrs

bjus
VM

SAULO PRADO disse...

Ola estou só batendo o ponto!!!
Vim conhecer o seu cantinho, e estou adorando o que vejo; serei presença constante aqui.
O meu mundo quadrado é um lugar feito por devoção ao poeta, e a poesia, pois amar o poeta é entra em seu mundo te convido a vim conhecer o meu...

Adoro o Paulo coelho. Foi através dos seus escritos que comecei a minha busca espiritual, (parece meio clichê isto) em meu blog vc encontrará um link do blog do Paulo coelho na globo.com.
Um abraço e fique com DEUS...

Carla Silva e Cunha disse...

gostei do que vi e li
parabens pelo trabalho
boa semana
beijinhos
Carla

Carla Silva e Cunha disse...

gostei muito
boa noite
beijinhos
Carla

Roberto Ney disse...

de paulo coelho eu só li onze minutos...
mas gostei do conto, é bem interessante.
e gostei do blog também
abraço

Cris Animal disse...

Oi Querida...chegando de vaigem e passando para matar a saudades e desejar uma linda semana.
Volto com mais calma depois....rs
beijo
.............Cris Animal

Daniel Savio disse...

E ai pessoal, vai contar como foi o carnaval?

Fique com Deus, menina.
Um abraço.

manzas disse...

Sublimes versos escapam das almas dos poetas
Viajando até ao fundo dos céus como balões …
Suspensos ficam no tecto brilhando poesias inquietas
Reflectindo olhos orvalhados em prados de emoções

Dedicado a todos
Os poetas e poetisas
Deste mundo,
Os que já adormeceram,
E aos outros
Que ainda nem sono têm...

Bem hajam!

Um resto de uma boa semana...

O eterno abraço…

-MANZAS-

Des-Venturas da Rubra Rosa disse...

Muito boa a história, hoje no meu blog estive vendo o lado negativo de ser mulher, mas lendo teu blog já consigo pensar nos positivos, o post de amanha, se tu deres permissao, vai ser o conto do teu blog de hoje, com todos os créditos claro =o)

valeu pela reflexao, nem tudo é uma bençao ou uma desgraça total

beijos